Curso de Filosofia do Yoga – Perguntas Frequentes

Devido ao fato de o Curso Livre de Formação em Filosofia do Yoga ser um curso com conteúdo único e incomum, muitas dúvidas surgem a respeito dele, de seus objetivos e pré-requisitos. Seguem as perguntas mais comuns que são dirigidas ao organizador do curso.
Caso sua dúvida não seja contemplada por essa lista, fique à vontade para entrar em contato conosco (siga esse link).

1) É necessário ser professor de yoga para participar do curso?

– Não é necessário ser professor de yoga. Na verdade, não há nenhum pré-requisito. O curso é inteiramente baseado em obras compostas originalmente em sânscrito e, devido ao estudo dessas obras ser raro no Brasil, tudo é apresentado desde o início, com contextualização histórica, passo a passo.


2) Que tipo de yoga é ensinado no curso?

– Filosoficamente, podemos dividir o yoga em dois grandes grupos: os sistemas que entendem que o mundo material é um obstáculo para o autoconhecimento e os que entendem que o mundo material é uma manifestação densa da consciência universal. No primeiro tipo, está incluído o famoso tratado conhecido como Yogasūtra, de Patañjali. No segundo tipo, as tradições conhecidas como tântricas. É desse segundo tipo que deriva a modalidade que se popularizou fora da Índia, o Haṭha-yoga.


3) O curso tem aulas práticas?

– Respondendo de forma objetiva: não adotamos no curso a prática de posturas (āsanas). Mas, não podemos esquecer que todo o universo de estudo, meditação e recitação são considerados práticas de yoga. Portanto, nesse sentido, o curso tem muita prática.


4) O curso possibilita que os participantes dêem aula de yoga?

– Aos que ainda não são professores de yoga, o curso é uma excelente porta de entrada, visto que o estudo dos textos antigos é uma forma muito eficiente de entrar em contato com a essência dessa prática milenar e, sem experiências pessoais, é impossível ensinar yoga. No entanto, para ensinar as técnicas de Haṭha-yoga, é necessário participar de outra modalidade de cursos. Aos que já são professores, o conhecimento apresentado neste curso é essencial, uma vez que os cursos de formação de professores de yoga tratam da filosofia de maneira panorâmica apenas.


5) Pra quem é feito esse curso?

– Para todas as pessoas interessadas em autoconhecimento. As filosofias da Índia ensinam conceitos importantes sobre o ser humano, o universo e a percepção que nós temos da realidade à nossa volta. Trata-se, portanto, de um curso repleto de questionamentos e reflexões de muito valor para qualquer indivíduo.


6) O curso tem uma abordagem religiosa ou doutrinária?

– Não. Procuramos deixar todos os alunos bastante à vontade, com seus respectivos sistemas de crenças. No Instituto Paulista de Sânscrito, temos atividades doutrinárias, como o Grupo de Estudos Śivaítas, onde os participantes têm em comum a adesão ao Śivaísmo da Caxemira. J
á o Curso de Filosofia do Yoga, é um curso aberto a todos os interessados, com o intuito de apresentar os temas e textos fundamentais para a consolidação do Yoga.


7) O curso ensina língua sânscrita?

– Ensina apenas a pronúncia, com as práticas de recitação. E procura apresentar de forma técnica e criteriosa a terminologia.